Carnaval com diversão e economia

Blocos de rua são alternativas de lazer para quem vai ficar na cidade

12 de fevereiro de 2020

Blocos de rua são alternativas de lazer para quem vai ficar na cidade 


Ei, você aí,
Me dá um dinheiro aí,
Me dá um dinheiro aí...


Você possivelmente já ouviu a marchinha de carnaval composta em 1959 por Homero Ferreira e seus irmãos, Ivan e Glauco Ferreira. E certamente não sai por aí cantarolando o refrão para receber, de fato, algum trocado. Mas pode, isso sim, entrar na folia sem gastar. Se você não vai viajar, uma dica é aproveitar o carnaval na cidade em que você mora.

Nos últimos anos, o carnaval de rua tem ressurgido, principalmente, em cidades que tradicionalmente sediam os grandes desfiles de escolas de samba, como Rio de Janeiro e São Paulo. A cada temporada, pipocam novos blocos, um mais animado que o outro, em diferentes locais.

Eles reúnem adultos, jovens e crianças e, para participar, basta ir ao local de encontro e acompanhar o cordão de foliões. Diversão garantida e gratuita para a família inteira. É preciso, apenas, tomar alguns cuidados básicos que devem ser adotados no verão: levar água, chapéu e usar protetor solar. Você não precisa sequer gastar com fantasia. Use a criatividade e improvise algo divertido.

Quanto mais famoso e tradicional o bloco, maior a quantidade de seguidores, o que pode não ser uma boa ideia caso você vá à festa acompanhado de crianças pequenas. Nesse caso, talvez valha mais a pena procurar um bloco menor e mais próximo do local onde você mora.

Para facilitar a vida dos foliões, muitas prefeituras e secretarias municipais de turismo e cultura criaram aplicativos e sites que trazem a programação completa do carnaval de rua, incluindo os locais e horários de concentração e dicas para aproveitar o melhor da festa.

A seguir, damos o caminho das pedras para você localizar os blocos em algumas cidades. Nas demais localidades, basta fazer uma busca na internet. As atividades são gratuitas e, antes de sair de casa, é recomendado checar a programação, porque ela pode ser alterada. Vale e pena também deixar o carro em casa. Além de economizar com combustível e estacionamento, você se poupa do estresse do trânsito. Encontre seu bloco e boa diversão!

São Paulo: Em 2020, serão cerca de 800 blocos de rua desfilando nas diferentes regiões da capital paulista. A folia vai até 1o. de março. Veja no site da Prefeitura Municipal de São Paulo a programação completa por região: https://www.prefeitura.sp.gov.br/carnavalderua/programacao.html

Belo Horizonte: Mais de 400 blocos de rua desfilarão pela capital mineira em 2020. Confira os destaques e os roteiros por onde eles irão passar: http://www.carnavaldebelohorizonte.com.br/

Rio de Janeiro: São 450 blocos e cordões cadastrados para animar as ruas do Rio de Janeiro nos intervalos dos desfiles das escolas de samba. Alguns são bastante antigos, como o Cordão Bola Preta, criado há 90 anos, e outros começam sua história no carnaval deste ano. Programação: https://www.carnaval.rio/

Porto Alegre: O carnaval de rua da capital gaúcha vai até o dia 8 de março, com atrações como os blocos Do Jeito que Tá Vai, Galo do Porto e Maria do Bairro, que têm um grande número de seguidores. Veja aqui a programação divultada pela prefeitura.

Olinda: A cidade colonial pernambucana é conhecida pelos bonecos gigantes que arrastam multidões de foliões pelas ruas. Conforme o dia, os blocos começam a desfilar às 6 da manhã e vão até meia-noite, em vários polos espalhados pela cidade. A programação está disponível aqui: http://carnaval.olinda.pe.gov.br/

Ouro Preto: O carnaval de Ouro Preto guarda preciosidades como o bloco Zé Pereira dos Lacaios, que saiu às ruas pela primeira vez há 150 anos com seus bonecos gigantes, arrastando uma multidão pelas ladeiras da cidade histórica mineira. Programação: https://www.ouropreto.mg.gov.br/carnaval

Manaus: Bandas e blocos como o Furo olho, Galo de Manaus e Banda do Boulevard fazem a alegria do carnaval gratuito na capital do Amazonas. Veja a lista dos 110 blocos autorizados a sair às ruas pela prefeitura: http://www.manaus.am.gov.br/noticia/divulgadas-as-datas-das-110-bandas-e-blocos-de-rua-do-carnaval-2020/

Se você não gosta de pular carnaval, aproveite o feriadão para visitar centros culturais e museus, fazer caminhadas ou andar de bicicleta em parques e descobrir locais próximos, que você ainda não conhece. Confira algumas dicas nesta matéria. Leia também: Planejando o carnaval.